Petição Pública Logotipo
Ver Petição Razões para assinar. O que dizem os signatários.
A opinião e razões dos signatários da Petição: Absolvição do militar Hugo Ernano (GNR) , condenado a 9 anos de prisão por matar criança que seguia num assalto com o pai., para Ministério da Justiça

Nome Comentário
Maria O. Justiça podre a q temos. Revoltante.
Filipe . Uma autêntica vergonha!! Somente em Portugal é que temos uma justiça de tremenda incompetência!
Joao V. injustiça
Rómulo P. Teve azar a criança. A lei devia era punir quem a fez. Não tem sentido nenhum.
Maria P. O GNR não podia saber que ia alguém na mala do carro cujo condutor não tinha obedecido à ordem de parar. Se o pai não tivesse levado a criança para uma noite de assaltos e fuga à polícia nada lhe teria acontecido acontecido .
Ana L. Sempre me revoltou esta condenação. Nem a criança nem o militar têm culpa e ambos foram os condenados.
Nair B. Justiça
Vitor T. Quem e honrado nao pode ser preso por defender a justica...
vitor A. O policia estava no seu trabalho- Quem deveria ser responsabilizado era o pai. Assim é que seria correto
maria m. a nossa justiça e uma vergonha
Gonçalo P. Concordo com a petição! Isot não é Justiça é uma vergonha de um país!
Márcio G. Tentou fazer cumprir a lei. Culpa de quem não cumpre, e ainda levou um filho como escudo. Eu tenho três e nunca os colocaria em perigo. Respeitem as leis e os agentes que a fazem cumprir.
Joaquim C. Como é possível que isto aconteça no meu País...
Marlene p. a nossa justiça è da mais injusta que conheço
Maria V. proteger os fora-da-lei, condenar quem nos defende
Maria L. Parece-me evidente que o autor moral do homicídio é o próprio pai que levou consigo o filho para cometer um assalto. Na verdade, não houve um homicídio voluntário por parte do militar Hugo Ermano. Tentou cumprir o seu dever, infelizmente houve uma morte. Mas se o morto fosse o próprio militar, baleado pelo assaltante, então essa vida seria muito pouco relevante, pelo menos para a maioria dos nossos juízes que vivem no conforto e segurança dos seus condomínios privados e muitas vezes guardados por agentes da lei pagos pelos contribuintes. É uma condenação profundamente injusta, sobretudo quando comparada com a pena aplicada ao criminoso, pai da vítima, aquele que verdadeiramente arrastou o próprio filho para o crime e para a morte.
Luisa . A morte da criança deve ser imputada ao pai - ladrão que pôs a vida do próprio filho em perigo...
Olga M. O pai leva a criança para aprender o ofício de roubar.Em pequenino é que se aprende melhor ,mete-o na bagageira. É perseguido pela polícia e não pára o veículo . O militar Hugo atira e ( deve ter visão RX) mata a criança que deve ter adivinhado estar na bagageira e é condenado?, ainda por cima tem uma pena superior ao assaltante!!!! Está tudo louco....então mais vale a polícia quando vir um assalto, assobiar, olhar para o lado e fica tudo bem. Tirem este homem da cadeia, apenas cumpriu as sua funções e está preso por o ter feito. Faça-se justiça a sério, o pai levou o filho para o crime, ele é o único responsável pela sua morte. Absolvam e readmitam o militar Hugo que apenas cumpriu o seu dever.
Manuel P. São profissionais como este que pões em risco a sua vida pela defesa dos cidadãos, que são condenados por agir e por não agir.
Igor C. Sou contra violência e contra do sua de força desnecessária! Mas existe casos em que a GNR ou outra força de protecção civil tem de atar, e neste caso foi uma fatalidade, não acredito se tratar de um abuso nem força excessiva. Daqui uns dias andam o pessoal fazer o que quer e as forças de segurança de mãos atadas!

Assinaram a petição
106.594 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine a Petição.



Ler texto da Petição