Petição Pública Logotipo
Ver Petição Razões para assinar. O que dizem os signatários.
A opinião e razões dos signatários da Petição: PELA NÃO CONSTRUÇÃO DE UM HOTEL DE 568 CAMAS NA PRAIA DO DEGREDO EM VILA FRANCA DO CAMPO, para Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores

Nome Comentário
Susana T. Ficar indiferente a uma aberração destas seria pactuar com um crime de violência contra a natureza...
maria c. só o modelo de uma ilha sustentável preserva o presente e o futuro
Antonio R. depois do muito que se disse (mal, muito mal) acerca da politica do turismo de massas, a aprovação deste projecto deita por terra todas estas denuncias. até parece que não aprendemos. basta ver os maus exemplos por esse mundo fora. mas, nem precisa, basta olhar para a Madeira e Canárias, bem mais próximas de nos. e, nem assim???
Diogo . Não faz sentido nenhum um hotel desta dimensão num local como o degredo, o nosso turismo vem para os Açores pela nossa natureza e não para estar em hotéis como este, ainda para mais construir num local com tanta beleza natural, não podem destruir para construir uma obesidade destas!!
Maria M. Sou a favor do turismo natural.
Maria R. Já temos projetos megalómanos qb. Baía da Calheta vs betão, betão e mais betão; Monte Palace; Piscinas Municipais de Nordeste e de Povoação (só para nadar em seco), e etc
Wallenstein G. Que grande asneira
Grave . I love the Azores and hope you will not destroy it by building a massive building.
Luis P. Se considera demasiada niglência neste assunto, então tudo certo demasiada construção de Hoteis para turismo...
Maria . Não a mais hotéis
Anabela P. Venho todos os anos passar férias a São Miguel e não gosta de ir á praia do Degredo e ter lá um edifício enorma a estragar as vistas
Carla L. A nossa ilha deverá ser valorizada e visitada pela sua natureza e deverá ser conservada como tal... Betão e construções não trazem vida de volta, pelo contrário, tira-a!
Cristina . Não concordo com esta construção
ANGÉLICA R. Com tanto hotel construído a ao abandono, para quê mais um!!!!!
Marina s. NAO mesmo! Não vale tudo! Não !
Maria . Descaracterização do ambiente com as conhecidas consequências...
Fernando M. Concordo com a petição.
Inge P. Tenhas tropo hotels e nao pensa que tourismo excessiva es bem para os pesoas vivem na Sao Miguel.
Carlos B. Um estudo efectuado pelo Instituto de Turismo para o Plano Estratégico de Turismo dos Açores, em 2015, concluiu que cerca de 95% dos açorianos defende o turismo de natureza, pelo que a massificação do turismo nos Açores potenciado com a viabilização de projectos megalómanos na Região colide com a defesa dum património paisagístico natural, que o povo açoriano e os restantes portugueses pretendem não ver progressivamente desaparecer. Pelo que a construção de um Hotel de 568 camas nos Açores, neste caso junto à praia do Degredo, em Vila Franca do Campo, numa zona costeira sensível, é não só um "atentado" ambiental como contrário ao tipo e qualidade do turismo que o Governo Regional prossegue. Assim, (tendo em conta a "luta" contra os níveis de abstenção eleitorais) apela-se a todos os partidos com representação na ALRAA, em especial o do PS, serem sensíveis à participação cívica e opinião dos cidadãos que subscrevem esta petição, muitos dos quais possibilitaram a eleição do actual Governo da Região Autónoma.
Pedro P. Basta de ter a carteira a frente de qualquer outro interesse da comunidade insular. Ha mais factores a considerar quanto à saude das nossas ilhas. O turismo excessivo nao é uma brincadeira e o impacto a longo praso pode vir a ser catastrofico. Cabe-vos, em cada decisao, evitar que isto aconteça.

Assinaram a petição
1.129 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine a Petição.



Ler texto da Petição