Petição Pública Logotipo
Ver Petição Razões para assinar. O que dizem os signatários.
A opinião e razões dos signatários da Petição: Por uma efetiva equidade nos concursos., para Exmo Sr. Primeiro Ministro; Exmo Sr. Ministro da Educação; Assembleia da República.

Nome Comentário
Mariana P. vamos à luta !!
ARMANDO C. Pela justiça, sempre.
Manuel T. Parecem-me óbvios e significativos os argumentos da petição para que não mereça atenção adequada de quem de direito.
Maria V. Concordo
Aida M. .É país que temos...
Carla F. É uma vergonha o que estão a fazer com os professores. Que qualidade de ensino se pode ter num país onde os professores são tratados de forma vergonhosa? Um trabalhador descontente, mal tratado, sem condições para exercer as suas funções não pode ser um trabalhador produtivo. Ainda assim, os professores têm feito das tripas coração para cumprir, de forma profissional e exemplar, as funções inerentes a uma profissão tão digna e apaixonante que é "ser professor". Abram os olhos aqueles que vergonhosamente têm brincado à política e consequentemente arrasado com o trabalho de quem verdadeiramente se esforça pelo sucesso deste nosso país.
Ana V. O que é pedido nesta petição é apenas que se cumpra a justiça! Por favor, façam-na cumprir para uma melhor qualidade de ensino! Obrigada.
Maria F. Como é possível a antiguidade não ser tida em conta e sermos ultrapassados. Onde está e equidade e a justiça?
Dina Q. Para além de ser uma injustiça os docentes que solicitam Mobilidade por Condições Específicas ultrapassarem professores muito mais graduados, existem ainda casos que solicitam DCE e não têm qualquer tipo de doença e/ou prestem auxilio a ascendentes e/ou descendentes que justifique essa mobilidade mobilidade. Considero isto um críme que deve ser divulgado e punido de acordo com a lei.
Maria V. Excelente ideia para um pais de cunhas.
Odete R. Inconcebível esta mentira que são as condições específicas salvo algumas raras excepções.
José R. A ser verdade seré mais uma das incompetências deste governo.
Aurora M. Concordo plenamente com a petição. Neste ano letivo que agora terminou fui vítima desta injustiça: "Condições Específicas" que alguém considera tão justa. Talvez seja mas porque ninguém fiscalizou os argumentos? Eu adoraria!Tenho 26 anos de serviço e tenho o meu pai com 96 anos de idade a meu cargo e como devem imaginar precisa muito dos meus cuidados. Por essa razão pedi permuta mas foi-me negada. Colegas conhecidos que pediram Condições Específicas com menos anos de serviço que eu, mas muitos mesmo, ficaram com turma no local da sua residência e eu fiquei a 100 km da minha. Este ano, próximo apesar de não ser a favor desta mobilidade "com atribuição de turma" sem olhar a graduações tenho o processo completo para também pedir a mobilidade por doença como agora se designa. Estou revoltada sim mas vou submeter o meu pedido porque reúno as condições necessárias para tal.Não o queria fazer. Mas como diz o ditado - gato escaldado, da água fria tem medo. Se as coisas não fossem assim talvez eu nem precisasse de nada a não ser da minha graduação para ficar próxima da minha residência e cuidar na mesma do meu pai.Sim porque eu também tenho família e problemas com o toda a gente.
José B. Este texto foi publicado em 2004 mas a palhaçada continua! ... pela construção de um perfil que o identifique como agente de comportamentos salutares: não comer, não beber, não fumar... Em excesso, claro! Enfim, o professor deverá ser exemplar na promoção da saúde nas escolas e nas comunidades. É de lamentar a forma vergonhosa de como estes ideais colidem com as práticas. Digo isto, porque a realidade é dramática! Por exemplo, no agrupamento a que pertenço, todos os professores (repito: todos!) foram colocados por ?condições específicas?. Portanto, com base nas declarações médicas que terão apresentado, estão todos incapacitados. As condições ditas específicas generalizaram-se abusivamente. Não tenho dúvidas (quem terá?) que grande parte destes profissionais, sem escrúpulos, inventariaram e inventaram doenças (em si próprios ou nos seus familiares) para, em primeira prioridade, escolher um local de trabalho, tentando fazer crer que o seu episódio é o mais emergente, em prejuízo dos que são ilegitimamente ultrapassados e dos que realmente necessitam desse recurso legal. Quem nos governa não vê que a lógica está completamente invertida?
Miguel A. Contratado AINDA.... São só 14 anos.
Fernanda A. Justiça e transparência, acima de tudo!
Maria V. Apoio e concordo plenamente com esta petição.
Maria R. Todos devemos seguir uma lista de concursos e não devemos ser ultrapassados por quem tem menos tempo de serviço.
Helena . Espero que mude a situação dos contratados!
Ana O. Concordo em absoluto!

Assinaram a petição
255 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine a Petição.



Ler texto da Petição