Petição Pública Logotipo
Ver Petição Apoie esta Petição. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

Não ao REFERENDO do trânsito na PONTE ROMANA

Para: Excelentíssimo senhor Presidente e excelentíssimos senhores vereadores da Câmara Municipal de Chaves

Nós os signatários desta petição, votantes no concelho de Chaves vimos desta forma solicitar junto de vossas excelências para que NÃO SE REALIZE O REFERENDO que visa saber da vontade dos Flavienses à eventual REPOSIÇÃO ou NÃO do TRÂNSITO automóvel na PONTE ROMANA. NÓS NÃO CONCORDAMOS COM A REALIZAÇÃO DO REFERENDO, pelas razões que se apresentam:

1°: A preservação de uma Ponte Romana com 2 milénios que é até à presente data o monumento com que Chaves se identifica, sendo atualmente o mais importante e mais antigo monumento histórico visitável que jamais se poderá colocar a sua integridade e preservação com a eventual passagem de automóveis;

2°: Tem na sua posse a Câmara Municipal de Chaves, estudos de entidades independentes que a atual situação da Ponte Romana (sem trânsito) seja prejudicial para o monumento em causa? A pergunta é apenas retórica, e assim as entidades competentes aquilo que provavelmente nos parece que dirão é que A PONTE ROMANA DEVERIA SER MANTIDA SEM TRÂNSITO, PARA MELHOR SE PRESERVAR (uma questão de senso comum) daí não vermos sentido nenhum realizar o referendo.

3°: Estando a Ponte Romana fechada ao trânsito desde 2008, o assunto foi de uma forma geral consensual entre a população, dado os 2 acessos por automóvel já existentes à Madalena (ponte Nova e ponte de S. Roque), pois a "morte económica" não há estudos que apontem as razões concretas, daí o referendo não fazer igualmente sentido nenhum;

4° Uma ponte já com uma idade de 2 milénios de história e as cheias do rio Tâmega e o trânsito serão certamente mais um factor de risco a acelerar a degradação da Ponte Romana e a pôr em risco vidas humanas. É obrigação do município indo até contra a vontade popular zelar pela sua segurança e bem estar;

5°: Parece estar em vista uma candidatura à UNESCO do património Flaviense (à semelhança do que fez Guimarães no seu centro histórico, onde curiosamente não se vêem automóveis) onde se inclui a PONTE ROMANA, parece-nos que a haver trânsito na Ponte Romana, prejudicará essa candidatura, por isso mais uma razão para que o referendo não se realize;

6°: Este motivo não tenta colocar a data noutra altura, é apenas mais um que visa dar mais razão aos anteriores, pois atravessando o país a mais grave crise económica desde a II Guerra Mundial, não deveria pensar no interesse de todos os contribuintes e nos cerca de 25 mil euros que o referendo custa ao Estado? E mais importante que isso, se vier a realizar-se os factores de risco de contágio pelo vírus da Covid-19 vão aumentar e por aquilo que se ouve da vontade dos Flavienses (cidade e concelho) para um NÃO categoricamente anunciado.

Assim solicitamos que esta petição seja levada em consideração por vossas excelências e que O REFERENDO em apreço NÃO SE REALIZE.

Muito atenciosamente,
Os signatários desta petição.



Qual a sua opinião?

A actual petição encontra-se alojada no site Petição Publica que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Portugueses apoiarem as causas em que acreditam e criarem petições online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor da Petição poderá fazê-lo através do seguinte link Contactar Autor
Assinaram a petição
90 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine a Petição.