Petição Pública Logotipo
Ver Petição Apoie esta Petição. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

Petição pela Manutenção dos Partos na Água no Hospital de São Bernardo e a extensão desta opção a outros hospitais públicos.

Para: Ex.mo Sr. Presidente da República, Ex.ma Srª Presidente da Assembleia da República, Ex.mo Sr. Primeiro Ministro, Ex.mo Sr. Ministro da Saúde


Um parto é um acontecimento que muda a vida para sempre. Sempre. Nada mais volta a ser como antes. Nada igual.
Tudo muda depois de um acontecimento tão grandioso como simples. Simples porque é um acontecimento comum desde que o ser humano existe. Grandioso porque é um momento de força, de vida, de energia. Tão transformador que faz nascer dois seres humanos ao mesmo tempo: um filho e uma mãe. Nasce também um pai, que também integrará para sempre um outro papel.
Esse momento, que hoje em dia não volta a ser repetido pela maioria das famílias, deve ser um momento como ele é. Único. Mesmo que seja apenas mais um momento na vida dos profissionais de saúde, para esse casal, é para sempre o seu momento.
Assim sendo, é desejável que esse acontecimento seja vivido em pleno, em família, com respeito e apoio, atendendo às necessidades específicas de cada mãe-bebé e pai.
Muitos hospitais têm nos últimos anos procurado melhorar os seus serviços numa tentativa de ir ao encontro de uma população mais informada e exigente, que se mune de planos de parto redigidos segundo as orientações preconizadas pela OMS na assistência ao parto. Alguns hospitais são mais empenhados que outros nessa mudança. E assim se vai ouvindo da existência de salas de parto com bolas de parto, cordas de suspensão, cadeiras anatómicas. E assim se vai ouvindo que aqui e ali os profissionais estão mais abertos aos pedidos de liberdade de movimentos, utilização de massagens e água como medida de conforto.
Actualmente, em Portugal, apenas um hospital público permite usufruir das capacidades terapêuticas da água em seu pleno, onde para além da fase de dilatação, é também possível parir dentro de água. Onde, para além de se poder viver a experiência do parto, pode-se vivenciá-la de uma maneira muito positiva. Sem traumas, sem pressões, sem necessidade de fármacos para anestesiar a dor, sem prisão de movimentos, sem que a mãe veja diminuída a sua capacidade inata de fazer nascer. Sem stress fetal, com rápida recuperação para mãe e filho.
Um momento tranquilo, um alívio imediato da intensidade da dor e a oportunidade de sentir outras sensações, só de entrar na piscina. O estar sempre consciente, participativa de alma e coração. A possibilidade de partilha com o pai de uma forma tão próxima e em que ele é também parte interveniente no processo. Uma equipa dedicada, que dá força, que cuida e que nos lembra do nosso objectivo. Uma equipa que nos empodera e nos respeita, uma relação de confiança.
Este hospital é o Hospital de São Bernardo em Setúbal, e defendemos que este deve manter esta vivência, caminhando no sentido de a poder alargar a mais casais, e também que tal venha a ser possível em mais hospitais, para que mais famílias que assim a pretendam, possam dela usufruir. Familias do Norte a Sul do pais têm visitado e procurado a assistência neste serviço.
Um acontecimento que tem cada vez mais procura, quer seja porque será irrepetível na vida das famílias, quer seja porque se quer ultrapassar traumas de experiências anteriores, por se desejar a segurança do Hospital com o conforto de casa. Porque as famílias merecem o melhor, ter alternativas terapêuticas não farmacológicas, criação e manutenção de vínculos afectivos.
Porque se pode vir ao mundo de uma forma mais suave, fazer-se uma transição do meio líquido onde se cresceu durante nove meses para outro, até aos braços dos seus pais. Porque muito do stress e desconforto da mãe é aliviado, também o processo que o bebé tem de fazer é aliviado, mais natural, sendo assim possíveis nascimentos naturais que de outra forma seriam partos instrumentalizados.
Numa altura em que se debatem a redução da taxa de cesarianas, cortes orçamentais e encerramento de maternidades e hospitais, será de todo desejável promover partos normais/fisiológicos sempre que possível.
Tudo razões para que os hospitais apostem na utilização da água como escolha para os casais que reúnam as condições necessárias e o desejem fazer.
Por todas as famílias que o desejam e são impedidas de o fazer, por variadas razões.
Por todas estas razões acima indicadas, nós os abaixo assinado pedimos/exigimos:

- Que os partos na água, integrados no projecto de promoção do parto normal (de acordo com orientações da Organização Mundial de Saúde), continuem a ser uma realidade no Hospital de São Bernardo. 1
- Que esta opção de parto seja estendida a outros hospitais públicos.
- Que as diferentes entidades nacionais se pronunciem sobre este assunto, com base em evidências científicas, fundamentadas com as praticas em diversos países de todo o mundo, inseridas nos seus respetivos sistemas de saúde. 2,3,4,5,6,7
- Que sejam respeitados os direitos humanos universais, onde estão implícitos os direitos humanos para o nascimento, preservando o direito à privacidade e autonomia dos casais que procuram qualquer tipo de parto. 8,9,10

1 http://whqlibdoc.who.int/hq/1996/WHO_FRH_MSM_96.24.pdf?ua=12
2 http://summaries.cochrane.org/CD000111/immersion-in-water-in-labour-and-birth
3 http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/12499751
4 http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/9096532
5 http://www.scienceandsensibility.org/?p=8088&cpage=1#comments
6http://www.rcog.org.uk/womens-health/clinical-guidance/group-b-strep-and-water-birth-query-bank
7 http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/15346814
8 http://humanrightsinchildbirth.com/universal-rights/
9 http://conventions.coe.int/treaty/en/treaties/html/005.htm
10http://www.forumenfermagem.org/dossier-tecnico/artigos-de-autor/item/3630-a-efectivacao-da-mudanca-do-paradigma-paternalista-para-o-paradigma-da-autonomia#.U6FMKvldWSq



Qual a sua opinião?

A actual petição encontra-se alojada no site Petição Publica que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Portugueses apoiarem as causas em que acreditam e criarem petições online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor da Petição poderá fazê-lo através do seguinte link Contactar Autor
Assinaram a petição
4.848 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine a Petição.