Petição Pública Logotipo
Ver Petição Apoie esta Petição. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

Faltas justificadas por doenças prolongadas (Ex: Oncológicas)

Para: Exmo. Senhor Presidente da Assembleia da República e cidadãos de Portugal


Venho por este meio, pedir a vossa ajuda, como cidadã portuguesa, que ainda acredita em justiça e humanismo, e solicitar as V/assinaturas para ajudar o presente e o quem sabe o futuro dos portugueses.
Como têm conhecimento, existem doenças prolongadas, que exigem tratamentos longos e dolorosos que variam de acordo com a doença, e, que esses tratamentos têm consequências a longo prazo para o nosso corpo (físico e mental).
Apesar das dificuldades, nas juntas médicas, somos vistos como números e não como pessoas com os seus problemas e apesar de muitas dificuldades somos enviados para os nossos respectivos locais de trabalho. Queremos mostrar que ainda conseguimos, apesar das nossas dificuldades, somos portugueses que contribuem para o crescimento do nosso País, no entanto, devido á doença, somos obrigados a fazer constantemente exames e análises, para o nosso bem e para continuarmos a sobreviver.
Na entidade trabalhadora, exigem justificações pelas nossas ausências que efectuamos ás várias consultas medicas e exames, a que somos obrigados pelo nosso bem e não porque gostamos de fazer. Essas mesmas faltas justificadas pelos médicos, são descontadas no nosso salário, e muitas vezes, esse valor torna-se muito significativo numa família média portuguesa.
Também somos muitas vezes descriminado/as pelas faltas que efectuamos, abstenção ao trabalho, o que causa a perda de aumento salarial que muitas vezes solicitamos, ou seja, além da desculpa que somos obrigados/as a ouvir da “conjuntura económica” agora também lidamos com a desculpa da “abstenção ao trabalho”, não porque gostamos mas sim, porque somos obrigados para sobreviver mais uns anos.
Por este motivo, venho solicitar que no CODIGO DE TRABALHO PORTUGUÊS, tenham em consideração na falta de retribuição de faltas justificadas causadas por doenças prolongadas e que estas sejam pagas na sua totalidade.
Eu, chamo-me Maria Elisabete Ribeiro dos Anjos, descobri em maio de 2016 um carcinoma grau 3 e portadora no gene BRCA1. Em 16-05-2017 efetuei uma mastectomia total profilática á direita poupadora de pele e CAM (Senologial) + reconstrução da parede abdominal com rede prolene + Salpingo-ooforectomia bilateral I. Complicação pós operatória, SIRS Cirúrgico com insuficiência respiratória.
Devido ao meu historial médico, seu sou obrigada a faltar por várias vezes ao trabalho e como exemplo, dou-vos o exemplo dos valores dos meus descontos, após uma baixa prolongado comecei a exercer a minha atividade Dezembro 2017. Vou apenas dar o exemplo referente a 2019/ ORDENADO BASE DE €639,00
JANEIRO 2019 DESCONTO HORAS 11 = € 40,60
FEVEREIRO 3 DIAS E 2 HORAS = € 71,28
MARÇO HORAS 12,50= € 46,13
Em 2018: janeiro 8 justificações medicas; fevereiro 2 faltas médicas; março 2 faltas medicas; abril 3 faltas; maio 3 faltas; junho – julho: operada Baixa medica; setembro 3 faltas; outubro 6 faltas; novembro 3 faltas; dezembro 5 faltas

Como o meu exemplo, de certeza que existem muitas e muitos portugueses que, infelizmente acontece o mesmo e veem um ordenado pequeno a tornar-se ainda menor. Não porque queremos, mas sim por queremos continuar a sobreviver.
Muito obrigada pela V/atenção, pela V/assinatura e por lutar pelos nossos direitos como portugueses.
Elisabete Anjos
Cartao Cidadão nº 11034238 0ZX8



Qual a sua opinião?

A actual petição encontra-se alojada no site Petição Publica que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Portugueses apoiarem as causas em que acreditam e criarem petições online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor da Petição poderá fazê-lo através do seguinte link Contactar Autor
Assinaram a petição
401 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine a Petição.