Petição Pública Logotipo
Ver Petição Apoie esta Petição. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

REGISTO BIOMÉTRICO DA ASSIDUIDADE PARA OS DEPUTADOS

Para: Exmo. Sr. Presidente da República, Exmo. Sr. Presidente da Assembleia da República

Com o conhecimento público pela comunicação social das irregularidades no registo e na assiduidade dos senhores Deputados eleitos por todos os portugueses, irregularidades também na votação de matérias com a importância de um Orçamento de Estado e eventualmente outras situações semelhantes, nós, os cidadãos portugueses que subscrevemos a presente petição pública, entendemos que é necessário, a bem da democracia e do bom funcionamento das instituições democráticas, com o seu expoente máximo no Parlamento Português, que os Senhores Deputados da República Portuguesa cumpram a sua assiduidade com o maior rigor e transparência, monitorizada através de registo biométrico, tal como acontece na maioria das instituições públicas que servem todos os cidadãos deste país.


O Parlamento não deve ser exceção ao registo biométrico e assim salvar o prestígio dos Senhores Deputados e da Assembleia da República; tal como acontece nos serviços públicos deste país; o Parlamento deve aliás, através dos Senhores Deputados que nos representam, ser cumpridor do maior rigor da sua assiduidade e dar o exemplo. Sabemos que os Senhores Deputados não são equiparados a funcionários públicos, mas representam o povo português e devem cumprir com a verdade já que pelo povo foram eleitos.


Estas sucessivas noticias de casos de irregularidades na assiduidade dos Senhores Deputados coloca, a nosso ver, a imperiosa necessidade de se fazer o controlo da assiduidade através de um sistema rigoroso, tal como o Governo impôs a toda a função pública, através de registo biométrico.
Em circular normativa emitida pelo Governo Português pode ler-se o seguinte:

"O Governo determinou que o uso de sistema de registo biométrico como forma de acompanhamento da assiduidade dos trabalhadores, independentemente do regime de vinculação detido, passou a ser obrigatório em todos os serviços e estabelecimentos do Serviço Nacional de Saúde."

Ora, o povo português entende que o mesmo deve ser cumprido na Assembleia da República pelos Senhores Deputados.

"Os recursos humanos são o ativo estratégico mais relevante no SNS, constituindo os custos suportados com a sua gestão uma parte muito significativa do orçamento em saúde, importando otimizar a sua gestão estratégica e operacional."

Precisamente, os Senhores Deputados são o ativo estratégico mais relevante na Assembleia da República, importando por isso otimizar a sua gestão e salvaguardar o seu prestigio com o cumprir rigoroso da sua assiduidade aos Senhores Deputados.

"Os deveres de assiduidade e de pontualidade constituem deveres gerais de todos os trabalhadores, incluindo os que exercem funções nos serviços e estabelecimentos do SNS, competindo aos respetivos órgãos máximos de gestão manter um registo que permita apurar, de forma conjunta, o número de horas de trabalho pelos correspondentes trabalhadores, por dia, por semana (…)”

Também os Senhores Deputados da Assembleia da República detêm a maior responsabilidade pelas especiais funções que desempenham ao serviço do país, e como tal é fundamental que não haja suspeitas, fraudes, irregularidades ou assiduidades ilegítimas na Assembleia da República que representa todos os portugueses.



A bem da transparência e do regime democrático, a assiduidade através de registo biométrico deverá também ser pública ou passível de ser consultada por qualquer eleitor português.

Exmo. Sr. Presidente da Assembleia da República, Exmo. Sr. Presidente da República, Exmo. Sr. Primeiro Ministro, é com rigor e transparência em medidas como esta, em prol do regime e das instituições democráticas que se faz o tal forte combate aos fenómenos populistas, caso contrário, V. Exas. não tenham dúvidas que irão também ter inicio à sua ascensão dentro de Portugal.
  1. Actualização #3 NOTICIA TSF

    Criado em quinta-feira, 13 de Dezembro de 2018

    https://www.tsf.pt/politica/interior/picar-o-ponto-com-impressoes-digitais-cidadaos-querem-controlar-presencas-dos-deputados-10316431.html

  2. Actualização #2 AS DECLARAÇÕES DO SR. PRESIDENTE DA ASSEMBLEIA

    Criado em quarta-feira, 12 de Dezembro de 2018

    Noticia de um jornal nacional: Ferro Rodrigues é lapidar: “Parece inquestionável a existência de irregularidades, havendo registo de presenças falsas, com a necessidade de responsabilização dos deputados em questão no que se refere ao registo das suas presenças e dos grupos parlamentares a que pertencem.” Ferro Rodrigues faz, uma proposta (...) considerando que se afigura “indispensável distinguir a simples ligação do computador do registo de presenças”. O presidente do Parlamento diz que “não é, nem pode ser, o polícia dos deputados” e lembra que “sempre os defendeu”. “Mas, quando alguns (poucos) deputados põem em causa o prestígio do Parlamento, estão a pôr em causa o prestígio da democracia representativa e com isso eu não pactuo”, avisa Ferro Rodrigues, que é a segunda figura do Estado. E insiste na ideia de ter de ser atribuído o ónus a quem prevaricou: “O que se exige é mais responsabilidade e responsabilização individual (de cada deputado) e colectiva (de cada grupo parlamentar), sancionando as irregularidades.” ORA, mais fundamento e razão ganha a presente petição: Exmo. Sr. Presidente da AR, só existe uma forma de não ser o policia dos senhores deputados, com registo biométrico.

  3. Actualização #1 Nº identificação civil

    Criado em segunda-feira, 10 de Dezembro de 2018

    Foi introduzida a necessidade de efectuar assinatura com numero identificação civil, para que seja formal e com cariz oficial. Desculpas pelo lapso.




Qual a sua opinião?

A actual petição encontra-se alojada no site Petição Publica que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Portugueses apoiarem as causas em que acreditam e criarem petições online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor da Petição poderá fazê-lo através do seguinte link Contactar Autor
Assinaram a petição
2.491 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine a Petição.