Petição Pública Logotipo
Ver Petição Apoie esta Petição. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

Petição Aumento dos rendimentos dos deficientes

Para: Ex.mo Senhor Presidente da República, Ex.mo Senhor Presidente da Assembleia da República, Sr. Primeiro Ministro, Sr. Ministro da Solidariedade e Segurança Social, RTP, TVI, SIC, CMTV, Pais e Familiares de Deficientes, Portugueses em Geral

É preciso tomar medidas e tratar definitivamente os deficientes como pessoas!

Por muito que este tipo de petições "não interessem", são, neste caso, a única esperança. Os deficientes não podem trabalhar, não podem estar sozinhos, muitos não comem sozinhos.

Muitos deles têm familiares que não os aceitam, ou que não os consideram como qualquer outro filho, irmão, primo, ou uma pessoa. Não podem ter sonhos, filhos ou projectos.

Mas essas pessoas merecem e precisam de muito mais do que qualquer um de nós: não lhes foi dado o direito de lutar e irão ser dependentes para sempre.

No final de 2017 foi anunciado que os deficientes com mais de 80% de incapacidade teriam um subsídio adicional. Foi assim que muitos portugueses entenderam e que recorreram à Segurança Social para obterem o tal subsídio extra. Como tenho uma irmã com 98% de invalidez, recorri ao subsídio e como não obtinha notícias fui novamente à Segurança Social.

Na verdade, não existe nenhum subsídio extra e antes pelo contrário, os deficientes passaram a receber menos, no total do ano, do que anteriormente.
Dou como exemplo o caso da minha irmã, que recebia uma pensão de 239.50€ mais o complemento de dependência da 3ª pessoa, no valor de 175.96€. Ou seja, recebia subsídio de Natal e de Férias e no total do ano, recebia 5.812.94€.
Estávamos ansiosamente à espera do subsídio de férias, quando, inacreditavelmente, percebemos que ela recebeu 264,32€ (sem subsídio) mas o complemento de dependência da 3ª pessoa teve subsídio!
Fiquei estupefacta, quando me dirigi novamente à Segurança Social e me disseram (com alguma alegria) que ela foi aumentada mensalmente para 264.32€ e que, portanto, não há mais subsídios a não ser o tal complemento para a pessoa que trata dela.!!! E como é que esse subsídio chega para tratar dela dia e noite!
No total a minha irmã ficou a receber menos 177.66€ ao ano!! Só posso pensar que será para pagar os aumentos de 10€ das reformas!

Como é que se pode dizer que os deficientes, com 60% ou mais ficam a ganhar mais se no final do ano recebem menos do que o valor ridículo que já recebem?!

É preciso tomar medidas e tratar definitivamente os deficientes como pessoas!

As pensões e os complementos para a 3ª pessoa são miseráveis. Os deficientes não são pessoas de segunda! Têm direito a boa comida, bons cuidados de saúde, fraldas sempre limpas, vestir-se, calçar-se e comer num restaurante (como eu levo às vezes à minha irmã, sem vergonha de a levar comigo). Estava a contar com o subsídio para lhe comprar um colchão novo!!! Algumas pessoas estavam à espera para comprar comida melhor!!

Estas pensões são uma vergonha para o país!

Pais, familiares e portugueses vamos juntar-nos e exigir pelo menos o mesmo valor da reforma mínima e o regresso dos subsídios de Natal e de férias. NO MÍNIMO!

Porque na realidade, reformados e deficientes, deveriam ter pelo menos o ordenado mínimo.
Sim, infelizmente não produzem! Mas são pessoas e na maior parte dos casos vivem em condições miseráveis.

Por favor, assinem esta petição e coloquem o vosso nome completo e nº do cartão do cidadão para conseguirmos que seja discutida na Assembleia da República.

Os deficientes não são pessoas de segunda e merecem ter o melhor que a vida lhes possa dar porque não têm mais nada.

Lurdes Gurita, Irmã da Nélinha (Maria Manuela Vicente)
  1. Actualização #1 Denúnciar a redução dos subsídios dos deficientes

    Criado em quinta-feira, 19 de Julho de 2018

    Esta petição tem como principal objetivo ajudar as famílias com filhos ou familiares deficientes para que estes possam ter uma vida digna. É preciso que os portugueses saibam que a partir de janeiro os deficientes com 60% ou mais de invalidez foram reconduzidos para um único subsídio que não tem 13º e 14º mês, como tinham até aqui. É preciso também denunciar que no total do ano ficam a ganhar menos, embora nos digam, com algum grau de satisfação, que foram aumentados por mês. Governantes, o que recebiam e o que recebem NÃO CHEGA!




Qual a sua opinião?

A actual petição encontra-se alojada no site Petição Publica que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Portugueses apoiarem as causas em que acreditam e criarem petições online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor da Petição poderá fazê-lo através do seguinte link Contactar Autor
Assinaram a petição
853 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine a Petição.