Petição Pública Logotipo
Ver Petição Apoie esta Petição. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

Proposta alteração da legislação sobre as trotinetes elétricas em Portugal

Para: PGR, MAI, ANSR

Ex.mos Senhores, PRP, MAI, ANSR

Como utilizador deste meio de transporte ecológico, versátil, venho manifestar a minha participação na construção de uma lei que sirva a diversidade de utilizadores de trotinetas elétricas e impulsione mais inovação e crescimento às empresas deste segmento.

As trotinetes elétricas servem mais do que um simples passeio! Este meio de transporte alternativo responde a diversas necessidades da sociedade. Habitualmente usada por jovens estudantes, turistas e entregadores de comida, as trotinetes elétricas são amplamente utilizadas na deslocação para o trabalho - muitas vezes são pessoas que trabalham por turnos encontrando neste equipamento um meio de transporte possível para a deslocação. As trotinetes respondem a diversas carências sociais, tornando o trabalho possível.

As trotinetes permitem todas estas coisas, com alguns sacrifícios - frio, desconforto e mais perigosidade em comparação a outros meios de transporte, porque sempre estaremos mais expostos!

Vendem-nos a ideia que são equiparadas às bicicletas mas são o meio de transporte cujo condutor está mais exposto e que consegue colocar-se ao lado instantaneamente, sem nenhuma manobra. A trotineta elétrica tem as suas próprias características e compará-la à bicicleta é não querer aceitar todo o potencial da mesma! Além das suas características diferenciadoras, as trotinetas elétricas são movidas por motor e isso torna possível um maior controlo em comparação a uma bicicleta.

Todas as vozes que se levantam sobre este assunto querem proibir a circulação em passeios e querem mais que isso, querem desincentivar a sua utilização! A ideia é que a utilização parece pouco importante e que os condutores deste transporte preferem andar nos passeios por algum tipo de vontade maléfica. Ora, quem anda diariamente de trotineta elétrica sabe que quanto menos contacto tiver com os carros mais seguro se torna a deslocação.

Como utilizador criei regras que considero importante a implementar e que garantem a segurança e o desenvolvimento deste meio de transporte.

Havendo necessidades distintas e produtos com as suas próprias características, não se percebe porque o Estado entende que são todas iguais, criando uma lei que impede o desenvolvimento e a circulação, e que considera todos os condutores com as mesmas necessidades e características. A lei que ai está não quer dar importância às trotinetas como meio de transporte alternativo. E é por essa razão que a minha intervenção serve para participar nessa mudança!

Regras de utilização das trotinetas em Portugal
As trotinetas não podem ser comparadas às bicicletas na medida da sua aproximação com o chão e com os peões. Assim sendo faz sentido ser adotado um novo conceito indo em contra a todas as limitações da União Europeia, promovendo a mobilidade sustentável e ao mesmo tempo garantindo a segurança.

Passo a descriminar as regras de utilização a ser implementadas:

- Deve ser permitido a circulação nos passeios desde que a uma velocidade máxima de 6km/h, que representa o passo humano, na falta de ciclovias e sempre que:
• Caso exista peões no passeio a distância permitida para ultrapassá-lo seja no mínimo de 2 metros
• deve manter uma distância de 2 metros dos peões que vão na frente
No caso de não ser possível deve sair da trotineta e caminhar.

- A proibição de circular em rotundas. O ponto de gravidade da trotineta e a exposição com o meio evolvente torna perigoso a circulação em rotundas. Há uma perigosidade acrescida devido à falta de velocidade, exposição, dificuldade em sinalizar a direção (perigoso tirar a mão do guiador devido ao ponto de gravidade, e a maioria não tem piscas). Quanto menos ferro, quanto menos estrutura, os condutores de automóvel respeitam cada vez menos.

Limites de idade
Ao contrário das licenças para viaturas de duas rodas a motor, pela diversidade de espaços da trotineta elétrica, é imperativo uma maior consciencialização fase aos diferentes cenários, inclusive a aproximação no mesmo espaço com pessoas a pé.

- Sem limite de idade para trotinetas de até 5km/h – passo humano. Motor de até 250w
- Limite de idade a partir de 12 anos para trotinetas de até 10 km/h e sua tara 17kg (necessário carta condução)
- Limite de idade a partir de 16 anos para trotinetas de até 15km/h representa uma pessoa a correr e sua tara 25kg (necessário carta de condução)
- Limite de idade a partir de 18 anos para trotinetas de até 25 km/h e sua tara 35kg (necessário carta condução)
- Limite de idade a partir de 25 anos para trotinetas de até 45 km/h e sua tara 45kg (necessário carta condução)
- Limite de idade a partir de 30 anos para trotinetas de até 60 km/h (necessário carta condução)
- Limite de idade a partir de 40 anos para trotinetas sem limite velocidade, sem limite de peso (necessário carta condução)

- A licença e/ou carta de condução para viaturas do tipo trotinetes elétricas deve corresponder às regras da sua utilização, como a parte prática. Sendo um transporte excecional, que terá um contacto direto com os peões, faz todo o sentido simular diversas situações

- O fim da proibição de circular em rotundas no caso da trotineta possuir piscas na retaguarda e à frente, e ter uma velocidade de 60 km/h – que normalmente têm uma resposta rápida em caso de perigo. Além destas medidas também deve possuir matricula

- Trotinetes que atinjam uma velocidade compreendida a 60km/h com matricula, podem circular noutras vias sempre à direita junto à via, não podendo fazer ultrapassagens (devido à exposição)

- Também deve ser proibido a circulação em passeios para trotinetas que pesam mais de 40 kg. Tornando-se demasiado robustas para as dominar por completo

- O peso da trotineta ou sua tara deve ser considerado a estrutura mais as baterias sem o condutor

- O seguro deve ser opcional no entanto caso opte por seguro, e só nesse caso, é lhe atribuído uma matricula e, portanto, terá um registo legal da trotinete elétrica. A sugestão do tipo de seguro deve ser obrigatório além da proteção contra terceiros, proteção do condutor e proteção contra roubo/furto

- O estacionamento deve ser em locais identificados e na falta dos mesmos devem ser adotadas medidas que não criem embaraço a terceiros

- A obrigatoriedade de ter luz sempre ligada para ser vista

- Obrigatoriedade de capacete completo (mesma homologação para mota) para trotinetas que atinjam mais de 45km/h

- A obrigatoriedade de usar colete refletor de noite: ao contrário das motas ou bicicletas cujas luzes se encontram próximas ao condutor, na trotineta elétrica as luzes estão situadas na parte de baixo, o condutor, na maioria dos casos vai reto, em pé, e mediante o tamanho vertical não existe nenhuma sinalização. O colete demarca a visibilidade do condutor da trotineta garantindo uma maior precessão do tamanho do “obstáculo”

- Obrigatório usar colete refletor e proteção na cabeça (tipo ciclista) fora das localidades

- Obrigatório matricula fora das localidades, a menos que circule em passeios ou ciclovias

- Limitação a 15km/h nas ciclovias

- Trotinetas de aluguer limitadas a 25km/h

- A proibição de circular fora das localidades para trotinetas que não atinjam a velocidade de 30 km/h a menos que existam ciclovias e/ou passeios

- A proibição de circular fora das localidades, na estrada, para trotinetas que pesam abaixo dos 30kg: o peso é essencial para a estabilização e visibilidade

Impedir uma má utilização deste meio de transporte alternativo, e para isso é importante não só regulamentar, educar como criar regras que vão ao encontro deste transporte como dos diversos tipos de utilizadores. Se nos limitarmos a reduzir a velocidade independentemente da diversidade e impedirmos todos os cenários, estaremos a criar um nicho cada vez mais pequeno e que não servirá nem o mercado nem a população. Quando podemos criar de fato um transporte alternativo e seguro!

Se não deixarmos este mercado crescer, não haverá inovação nem um novo segmento alternativo.

  1. Actualização #1 Crianção de Conta no TikTok

    Criado em sábado, 18 de Junho de 2022

    Siga o nosso canal no TikTok - https://www.tiktok.com/@trotinetaseletricas_pt




Qual a sua opinião?

A actual petição encontra-se alojada no site Petição Publica que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Portugueses apoiarem as causas em que acreditam e criarem petições online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor da Petição poderá fazê-lo através do seguinte link Contactar Autor
Assinaram a petição
13 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine a Petição.