Petição Pública Logotipo
Ver Petição Apoie esta Petição. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

Pelo adiamento de todos os atos eleitorais internos no PSD para depois das Eleições Legislativas antecipadas de 2022

Para: Presidente da Mesa do Conselho Nacional do Partido Social Democrata

Portugal precisa de um PSD forte. Porque nenhum País muda, cresce e serve melhor os seus cidadãos sem alternância. Cada um - e todos - temos o direito de escolher, e para escolher é preciso ter alternativas. Caso contrário somos obrigados a escolher mais do mesmo, o que se traduz em imobilismo.

Preocupa-nos, sim, que a conjuntura prejudique o que é estrutural e – sobretudo - acabe por beneficiar o infrator. Dito de outra forma, tanto nos faz quem é poder hoje no PSD e quem pode ser amanhã, desde que daqui não resulte um prejuízo para o que entendemos serem as verdadeiras necessidades do País e os desafios que temos pela frente.

Não é culpa de quem é ou de quem disputa a liderança do PSD a situação que está criada, mas já é seu estrito dever atender aos interesses superiores do País para além da ambição pessoal, seguramente legítima e garantidamente bem-intencionada.

Se perdermos esta oportunidade por culpa própria, é a nós, e só a nós, que estará reservada a vergonha de nos olharmos ao espelho.

Sejamos claros: é intuitivo entender que, no curto prazo de tempo com que estamos confrontados, é materialmente impossível, em simultâneo, falar para dentro e para fora, fazendo uma campanha interna em paralelo a uma externa. Tal suscitará nos eleitores uma natural dúvida entre propostas diferentes em que só uma vencerá, protagonistas em que só um o será, e candidatos a Deputados em que metade ficará pelo caminho. Novembro não pode ser o mês da confusão!

É impossível que esta poligamia tenha a compreensão dos eleitores e que o discurso que daqui resulte seja claro como se impõe para atingir o objetivo eleitoral que se persegue. Persistir nesta senda é o mesmo que estender ao PS uma passadeira vermelha que este e o País não merecem.

Por isso apelamos aos órgãos próprios do PSD, como grande Partido Nacional, para neste momento nevrálgico assumir, mais do que nunca, a máxima de Sá Carneiro: primeiro Portugal e depois o Partido. Apelamos, em consequência, para que todos os atos eleitorais internos sejam adiados para momento posterior à realização das eleições legislativas antecipadas.



Qual a sua opinião?

A actual petição encontra-se alojada no site Petição Publica que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Portugueses apoiarem as causas em que acreditam e criarem petições online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor da Petição poderá fazê-lo através do seguinte link Contactar Autor
Assinaram a petição
212 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine a Petição.