Petição Pública Logotipo
Ver Petição Apoie esta Petição. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

Petição contra o novo Perdão de um clube de Futebol.

Para: Assembleia da República

Excelentíssimos Senhores(as) Membros da Assembleia da República, esta petição surge após o anúncio de novo perdão de dívida ao Sporting Clube de Portugal.

Seguem abaixo por ordem cronológica as operações em causa:

•  janeiro de 2011 - Emissão 55 milhões VMOC A (27 milhões Novo Banco, 27 milhões BCP) com maturidade janeiro 2016;
• dezembro de 2014 - Emissão 80 milhões VMOC B (20 milhões Novo Banco, 56 milhões BCP) com maturidade 2026;
• junho de 2015 - Novo Banco injeta 18 milhões na Sporting SAD, foi tornado publico o "investidor fantasma" pelo Correio da Manhã na edição 20-03-2018;
• janeiro de 2016 - Novo Banco e BCP aceitam prolongamento da maturidade VMOC A de janeiro de 2016 para 2026;
• maio de 2018 - Novo Banco + BCP perdoam 94,5 milhões, aceitam receber 40,5 milhões pelos 135M VMOC referente às duas emissões;

Considerando o empréstimo de 3,5 mil milhões ao BCP em 2012, 4,9 mil milhões de euros injetados no fundo de resolução a 3 de agosto de 2014 e o prejuízo de 1,4 mil milhões apresentado pelo Novo Banco em março, que implicará nova injeção de mais 800 milhões no fundo de resolução.

Considerando que após intervenção com fundos públicos, e após um primeiro perdão à Sporting SAD, os referidos bancos voltaram a aumentar a sua exposição à Sporting SAD com uma segunda emissão de VMOC e posteriormente novo empréstimo de 18 milhões de euros.

Considerando que a Sporting SAD após o prolongamento do pagamento em 2016, mais do que duplicou a massa salarial.

Considerando que a Sporting SAD em setembro de 2017 voltou a aumentar os salários do conselho da administração, passando o presidente a auferir 10500 euros mensais, superior ao Primeiro-Ministro.

Considerando que a Sporting SAD anúnciou em dez de 2015 acordos com a operadora NOS e PPTV no valor de 515 milhões.

Considerando que a Sporting SAD tem um treinador que lhes custou 14,6 milhões, contratado ao Sporting Clube de Braga.

Considerando que a Sporting SAD continua a contratar jogadores por avultadas verbas, como o caso do avançado Paulinho que custou 16 milhões de euros.

Considerando que o presidente da Sporting SAD, Frederico Varandas, anúnciou recentemente que pretende votar em Assembleia-Geral um aumento de ordenado de 147 mil euros brutos por ano para 182 mil euros.

Considerando que, além de Frederico Varandas , também os membros executivos do Conselho de Administração poderão vir a ter os salários aumentados para os 131 mil euros anuais, como tem vindo a ser noticiado pela comunicação social.

Considerando que a Sporting SAD se prepara para beneficiar de um novo perdão bancário de 168 milhões de euros.

Vimos por este meio exigir à administração do Novo Banco, BCP e ao Governo que reprovem esta operação e apurem responsabilidades inquirindo os responsáveis por estes sucessivos perdões na Comissão Parlamentar, à semelhança do que aconteceu com outros grandes devedores. Não o fazendo, que tomem as devidas providências para assegurar condições equitativas para todos, seja SAD, empresa ou cidadão.

Caso sejam concedidas condições vantajosas a qualquer SAD ou empresa, pois então que qualquer português possa aceder às mesmas condições.

Isto significaria que, neste caso, qualquer português com empréstimo no Novo Banco ou BCP possa usufruir de isenção de juros durante 8 anos, mais perdão de 70% da dívida.

Com elevada consideração, os subscritores,



Qual a sua opinião?

A actual petição encontra-se alojada no site Petição Publica que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Portugueses apoiarem as causas em que acreditam e criarem petições online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor da Petição poderá fazê-lo através do seguinte link Contactar Autor
Assinaram a petição
1.004 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine a Petição.