Petição Pública Logotipo
Ver Petição Apoie esta Petição. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

O nome de Bruno Candê a uma rua de Lisboa

Para: Assembleia Municipal de Lisboa; Assembleia Municipal de Loures

Sobre qualquer prisma que se queira analisar, o brutal assassínio do actor Bruno Candê, numa rua de Moscavide, é um terrível ato que nos traz à evidência que o racismo ainda pode, à luz do dia, saltar de dentro das casas e sair à rua, às ruas, para matar.

Quando isso acontece o racismo torna-se um problema de cidade. As mesmas ruas onde a morte saiu à rua, podem e devem então ser as ruas da nossa vida mais irmã, mais fraterna, mais Igual.

O país não pode virar costas às responsabilidades políticas de ter tido uma experiência colonial e de essa vivência ainda afetar o comportamento e a mentalidade de muitos portugueses, tenham sido colonizadores ou colonizados.

Por mais que Portugal tenha tido uma experiência colonial durante séculos, por mais que o colonialismo se tenha suportado ideologicamente no racismo, hoje o País, depois de ter descolonizado os territórios e criado uma comunidade de países unidos numa mesma língua, assume, constitucionalmente, a criminalização da descriminação racial.

O racismo já não pode, ou não deve poder, povoar as nossas ruas, as ruas da nossa cidade. É nesse contexto que entendemos fundamental dar sinais de que esta terra, este país, é de todos os portugueses, independentemente dos seus países de origem, ou, como é o caso do cidadão português Bruno Candê, da origem dos seus antepassados.

Trata-se de uma oportunidade da cidade marcar a sua topografia homenageando um actor, uma figura pública, que os seus pares reconhecem como um ser especial, de uma tenacidade invulgar, que viu a sua carreira teatral cruelmente interrompida, e ao mesmo tempo, sublinhando que reconhece e valoriza a dimensão multicultural da nossa vivência em comunidade.

E de com esse gesto dar também a cidade um sinal de que as suas ruas são ruas vivas, ruas de tolerância, de respeito incondicional pela integridade humana e onde esta riqueza e diversidade da experiência portuguesa pode encontrar um lugar e expressão de uma dignidade comum.

Vêm assim os cidadãos abaixo assinados propôr à Câmara Municipal de Lisboa que atribua o nome de Bruno Candé, Bruno Candé Marques, actor, a uma rua da cidade de Lisboa. Propomos ainda que, no lugar onde ele foi brutalmente assassinado, a Câmara Municipal de Loures faça uma escultura que, assinalando essa tragédia, seja de algum modo uma homenagem à paz, à multiculturalidade e à lusofonia.







Qual a sua opinião?

A actual petição encontra-se alojada no site Petição Publica que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Portugueses apoiarem as causas em que acreditam e criarem petições online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor da Petição poderá fazê-lo através do seguinte link Contactar Autor
Assinaram a petição
45 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine a Petição.