Petição Pública Logotipo
Ver Petição Razões para assinar. O que dizem os signatários.
A opinião e razões dos signatários da Petição: REVOGAÇÃO DO DECRETO-LEI nº 53/2014, de 8 de Abril, para TODOS OS PORTUGUESES, sem excepção

Nome Comentário
Nelson D. É de tal maneira óbvio que concordo em absoluto com esta PETIÇÃO. ND
Maria F. O futuro é construído HOJE, a qualquer momento na vida, podemos passar a ser pessoa com deficiência.
Maria R. É essencial revogar o D/L nº 53/2014, de 8 de Abril.
manuel m. APOIO ESTA CAUSA
José M. nossos governantes são uma corja sem caracter.
JOÃO L. É muito IMPORTANTE e URGENTE a Revogação desta LEI que é um atentado á DIGNIDADE HUMANA...............
Bruno A. Concordo com alguma flexibilidade, nomeadamente em termos acústicos, térmicos e em especial de telecomunicações. No entanto, em termos de acessibilidades julgo que o diploma específico (DL 163/2006) dá as ferramentas adequadas para os edifícios existentes, quando cria a salvaguarda que permite a existência de não conformidades desde que a intervenção no edifico existente não agrave as condições já existentes.
JOSÉ O. Só interessa os benefícios da reabilitação urbana, o resto não é importante, hipocrisia. Pois é bom lembrar que estes acessos são determinantes para dar às pessoas com mobilidade condicionada, uma vida com sentido, quer no plano pessoal quer no plano profissional.
Mário P. As leis das acessibilidades são para se cumprir . Chega de regimes de excepção como este 53/2014.
Victor G. É escandalosa a falta de respeito pelos deficientes.Deve ser um pesadelo para os invisuais
José J. É UMA AFRONTA À PROMOÇÃO DA CIDADANIA.
João O. Estou de acordo
Mário M. Completamente de acordo com a revogação do Decreto-Lei n.º 53/2014, de 8 de Abril
Vera C. Todos fomos e temos bebés a transportar em carrinhos, todos estamos sujeitos a acidentes e ao envelhecimento que nos remeta pª uma cadeira de rodas, todos temos ocasião de precisar de apoiar quem possui mobilidade reduzida, cada vez mais cidadãos estão sujeitos a envelhecer sós (com a debandada de jovens e a mobilidade global do emprego), é absurda a falta de visão político-social desta norma. É da mais elementar sensatez revogar este patético decreto-lei. A civilidade assim o obriga. Haja coragem de o reconhecer.
Maria C. Ceder ao facilitismo não é preparar o futuro. Devemos ser cada vez mais exigentes para que as nossas cconstruções seja cada vez mais um lugar de bem estar, e não lugar onde não se pode estar por causa da má construção e pelas dificuldades que cria às pessoas que nelas habitam/trabalham, e pela "escuta" indiscreta e indesejada por causa da má qualidade dos materiais.
Maria C. Assinei esta Petição pois vejo com que dificuldades as pessoas com mobilidade reduzida, temporária ou permanente se deparam no seu dia a dia. Por vezes as tarefas mais simples que têm que realizar são de grande esforço. Nós que tudo fazemos automaticamente nem nos damos conta do bem que possuímos e essas pessoas são privadas. Já que não lhe devolvemos a saúde, colaboremos no derrube das barreiras arquitectónicas para que as suas vidas sejam menos sofridas!.......
Alexandra M. Porque todos somos iguais
sonia f. Tenho fé na revogação !
PauloAlexandre G. todos somos iguais , no sentido que somos ser humanos . Quem sabe se amanhã não seremos nós a precisar do mesmo?!
Rita L. Parece que estava a ter de um "déjá vu" quando li o Decreto-Lei nº Decreto-Lei n.º 307/2009 de 23 de Outubro e de seguida leio o Decreto-Lei n.º 53/2014 de 8 de abril (5 anos depois)... Mas como se diz "a esperança é a última a morrer" e realmente nós precisamos de gente Proactiva, como diz o Prof. Dr. Alfredo Bruto. Quanto as alterações sugeridas ao texto «Revogação do Decreto-Lei nº 53/2004 de 8 de Abril, concordo. Deixem-se de "almoços grátis?!" (como se diz em economia)... assim já existe verba para o que se propõem :) Cumprimentos, Rita Lucas

Assinaram a petição
2.066 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine a Petição.



Ler texto da Petição