Petição Pública
PETIÇÃO PARA RESPOSTA DO SNS AOS DOENTES NÃO-COVID E PELA PRIORIDADE POLÍTICA À SAÚDE

Assinaram a petição 1.266 pessoas
A Covid-19 abalou todo o mundo e, com ele, os seus sistemas de saúde, forçados a ajustamentos e adaptações. A pandemia colocou num plano secundário outras doenças. Reduziram-se consultas, cirurgias, exames e diagnósticos.

Mas a saúde é muito mais do que Covid-19 e as outras doenças não podem ser desvalorizadas.

Os meses de pandemia pressionaram fortemente os serviços de saúde. Para responder rapidamente a um número elevado de doentes com Covid-19, os hospitais e centros de saúde tiveram de se organizar rapidamente e dar prioridade a esta emergência de saúde pública.

Muitos portugueses viram as suas consultas, rastreios, diagnósticos e tratamentos adiados ou até não realizados.

As estatísticas oficiais mostram uma redução muito significativa do acesso dos cidadãos aos cuidados de saúde.

Mas nenhum doente deve ficar para trás.

É tempo de recuperar, de forma organizada, rápida e eficiente, todos os doentes que ficaram por diagnosticar, tratar ou cuidar.

Face a estes pressupostos, somos a pedir às Senhoras e Senhores Deputados que:

1. Discutam a questão do impacto da pandemia Covid-19 na saúde dos portugueses, e em particular, a situação dos que ficaram privados dos seu acesso aos cuidados de saúde;

2. Possam recomendar ao Governo o diagnóstico urgente da situação actual, com levantamento de todos os actos de prestação de cuidados de saúde que foram cancelados ou adiados e de uma avaliação prospectiva das necessidades de resposta por parte do SNS;

3. Possam recomendar ao Governo a criação de um plano de recuperação, para todos os doentes que não viram as suas situações de saúde satisfeitas;

4. Que o Orçamento do Estado inclua os necessários meios financeiros para fazer face à recuperação e prestação de cuidados de saúde aos doentes não-Covid;

5. Que consideram a Saúde como uma área prioritária para Portugal, garantindo meios humanos e técnicos que permitam o acesso equitativo aos melhores cuidados de saúde, a par de outros países da União Europeia.
Ver Mais...
Facebook WhatsApp
Email  

versão desktop