Petição Pública
Pela preservação do Parque da Lavandeira (Gaia)

Assinaram a petição 383 pessoas
A Câmara de Gaia pretende ceder cerca de 1,4 hectares do Parque da Lavandeira para investimento privado de 10 milhões de euros num parque aquático. Esta proposta foi aprovada pelo executivo, com votação na Assembleia Municipal a 29 de Julho.

Anunciado como um conjunto de três piscinas a “... edificar ao lado do parque da Lavandeira, em terreno da Câmara Municipal...”[Jornal de Notícias 19/07/2021], a verdade é que o projeto prevê a construção dentro do Parque da Lavandeira, com abate de dezenas, talvez centenas, de árvores.

É impensável sacrificar parte do Parque da Lavandeira para construção de equipamentos. O Parque da Lavandeira já é um equipamento. É uma infraestrutura pública de grande valor, muito usada e estimada por milhares de munícipes.

É de lembrar que o concelho de Vila Nova de Gaia tem níveis muito baixos de espaços verdes públicos per capita. Os espaços verdes são essenciais não só pelos seus serviços ecológicos e mitigação de alterações climáticas, mas também pela contribuição para a saúde física e mental de quem os visita. O objetivo da Câmara deve ser aumentar a oferta destes espaços, e não a sua diminuição.

Não está em causa a construção das piscinas, mas o local escolhido. Se a Câmara não tem nenhum terreno adequado aos fins em vista, não faltam terrenos subaproveitados em Gaia, até ao lado do Parque da Lavandeira. Basta adquiri-los, o que num projeto de 10 milhões não será problema.

As pessoas que assinam esta petição apelam à Câmara Municipal e aos deputados e deputadas da Assembleia Municipal de Gaia para que esta proposta seja substituída por outra, a implantar fora da Estrutura Ecológica Fundamental, aprovada no PDM.

Jornal de Notícias, 19 de Julho de 2021: https://www.jn.pt/local/noticias/porto/vila-nova-de-gaia/gaia-aprova-piscina-olimpica-de-10-milhoes-de-euros-na-lavandeira-13953350.html
Ver Mais...
Facebook WhatsApp
Email  

versão desktop