Petição Pública Logotipo
Ver Petição Razões para assinar. O que dizem os signatários.
A opinião e razões dos signatários da Petição: O FIM DA RESERVA NATURAL DO ESTUÁRIO DO SADO, para EXCELENTÍSSIMO SENHOR PRESIDENTE DA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA

Nome Comentário
Laura R. Nacionalidade espanhola
Jorge A. Portugal não precisa destruir uma pérola para fazer promoção imobiliária de alta qualidade. Há dezenas de alternativas com menor impacto.
José . Concordo 100% com a peticao
Jorge F. Integralmente Solidário com a petição !
Tiago A. Podem contar com a minha colaboração no que for necessário!
José R. O ambiente não pode sofrer mais agressões do que as já consentidas e outras de causas naturais. Peço por isso a maior atenção para o assunto.
Virgílio A. Assino esta petição porque concordo que é absolutamente necessário tomar medidas que .protejam esta zona da especulação imobiliárea que tudo destroi
Antonio V. tem de prevalecer bom senso !
Ana M. Quaisquer reservas naturais que existam em Portugal, um país tão pequeno,são da maior importância para o nosso ecossistema e bem-estar.
Guive C. Cidadão Francês Residente em Portugal
Branco R. matam a reserva , matam todo o vale do Sado, neste caso refiro-me mesmo á envolvente humana e económica da zona
Joao m. Apoio a conservacao da reserva da co E agora
Maria M. Os negócios devem ser pensados também de forma sustentável a nível ambiental.
Elisa . Vamos proteger a zona da Comporta que já está a ser ameaçada pela construção actual. Vejamos os arrozais do Carvalhal
Elisabeth B. Apoio este projets por razöes ecológicas
guilherme m. Porque assino esta petição 1 o passado Inconscientemente, destruiu-se uma Marca que levou um século a construir. A marca Espirito Santo. Dai resultou uma primeira delapidação do património da Comporta, que está por saldar Inconscientemente vai-se agora destruir outra Marca, embora mais recente, mas com a mesma origem, a COMPORTA. Desta vez, no entanto, vamos ser todos responsáveis pela sua delapidação e não uns tantos autarcas, que, bem vistas as coisas, até defenderam um património. 2 o presente O espaço limitado pela Arrábida, as serras de Grandola e Santiago, onde se encontra o lençol freático mais importante da península ibérica, pelas suas características geológicas e ambientais impõe limites consideráveis à sua ocupação. Limites tecnicamente bem conhecidos e que até agora a gestão da Herdade conseguiu de alguma forma respeitar, e isto, obviamente no seu próprio interesse. Com as propostas em cima da mesa (no Luxemburgo) , talvez com uma única excepção vai-se repetir uma vez mais, o mesmo erro. O de se ignorar o valor de uma Marca de excelência, e o valor Ambiental e Social a que está associado. 3 o futuro A Globalização significou, pelo menos inicialmente, nos a
Juan l. Las cosas unicas se salvan de la especilacion si no sera irrecuperable
Adriano O. Acabar com uma reserva natural neste momento é como deitar for a ultima água do cantil atravessando o deserto...
Caroline d. Il y a lieu absolument de se COMPORTER de façon responsable et de respecter et protéger la nature sauvage du territoire de la Herdade da Comporta. Merci! Une habitante du Grand-Duché de Luxembourg;
Salvador R. Louis Albert, não te vás embora. Comporta precisa do teu projeto

Assinaram a petição
2.288 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine a Petição.



Ler texto da Petição