Petição Pública Logotipo
Ver Petição Apoie esta Petição. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

Petição pela revisão da proposta de requalificação do Largo da Misericórdia, Torre dos Ferreiros e zonas envolventes

Para: Presidente da Câmara Municipal da Guarda, Presidente da Assembleia Municipal da Guarda

Na sequência da divulgação, por parte da Câmara Municipal da Guarda, do projecto de requalificação do Largo da Misericórdia, Torre dos Ferreiros e zonas envolventes (Áreas de Intervenção 1 e 2 da “Requalificação Urbana do Eixo Central da Guarda”), vimos por este meio manifestar o nosso desagrado face à proposta apresentada e solicitar ao vosso executivo que proceda à revisão da mesma - de forma a evitar desperdícios financeiros, atender aos interesses dos guardenses e respeitar a memória da cidade.

Após a análise dos parcos elementos que integram a proposta, verificamos que a fundamentação para a intervenção é insuficiente e que aquela prevê a eliminação desnecessária de formas urbanas, materiais e técnicas que fazem parte do património e memória colectivas da cidade.

Consideramos inaceitável que uma intervenção com tamanho impacto e custo (1,5 milhões de euros anunciados) seja fundamentada na mera vontade de “modernizar” - a mudança não pode ser, por si, um argumento válido e, muito menos, central.

Se a intenção passa por dignificar e dar prioridade ao peão, bastaria ampliar a área de passeio com esse objectivo – sem necessidade de alterar os materiais e técnica existente (calçada) e mantendo a configuração urbana actual.

O lajeado de granito - uma infeliz fórmula de pavimentação repetida desde há mais de uma década em Portugal – deu já largas provas da sua ineficácia e elevado custo de manutenção. Na Guarda, verificamos estas dificuldades (sujidade, lajes partidas) na reformulada Praça Velha.

Acresce ainda o facto deste tipo de pavimento ser mais dispendioso ao nível de recursos naturais do que a técnica da calçada, por utilizar um maior volume de material.

Da mesma forma, a transição ténue entre passeio e faixa de rodagem representa uma vontade ingénua de pedonalizar áreas altamente automobilizadas, sem que tal seja acompanhado por uma estratégia sólida de redução de veículos motorizados na cidade. Mais uma vez, deveríamos aprender com o triste caso da Praça Velha: com o automóvel a invadir permanentemente aquele triste deserto que se queria com peões, improvisaram-se umas tristes floreiras para separar carros e pessoas.

Apesar de não ter sido disponibilizada na vossa página electrónica a memória descritiva da Área de Intervenção da Torre dos Ferreiros e zona envolvente (Ai2), constatamos que esta proposta prevê, mais uma vez, uma intervenção não prioritária e de elevado custo – tudo para aceder a um miradouro no cimo da Torre dos Ferreiros. Ora, tendo em conta que a vista no cimo da Torre dos Ferreiros não apresenta um carácter de excepcionalidade nem uma mais-valia considerável relativamente àquela que já existe a partir da envolvente da Torre de Menagem ou da cobertura da Sé Catedral, torna-se ainda mais injustificada esta intervenção.

De qualquer forma, o acesso ao cimo da Torre dos Ferreiros já existe, por escada e no interior da mesma – bastando, caso se pretenda, uma intervenção simples de forma a garantir a segurança dos visitantes nesse acesso. A recentemente requalificada zona envolvente da Torre de Menagem será sempre uma boa alternativa de miradouro sobre a cidade, em especial para pessoas com mobilidade reduzida.

Em resumo, consideramos desnecessárias e desajustadas as intervenções propostas e solicitamos que essas pretensões sejam revistas no sentido de moderar o grau de intervenção, proteger memórias urbanas e minimizar custos – que sendo de origem municipal, nacional ou europeia pertencem ao orçamento da cidade e deverão ser criteriosamente utilizados.

  1. Actualização #1 Petição enviada

    Criado em quarta-feira, 4 de Julho de 2018

    Hoje, 4 de Julho de 2018, foi enviada para a Câmara Municipal da Guarda a "Petição pela revisão da proposta de requalificação do Largo da Misericórdia, Torre dos Ferreiros e zonas envolventes", com cerca de 100 signatários à data. Aguardemos a resposta. A petição manter-se-á disponível para assinar nesta plataforma; partilhe junto dos seus contactos!



Qual a sua opinião?

A actual petição encontra-se alojada no site Petição Publica que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Portugueses apoiarem as causas em que acreditam e criarem petições online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor da Petição poderá fazê-lo através do seguinte link Contactar Autor
Assinaram a petição
119 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine a Petição.