Petição Pública Logotipo
Ver Petição Apoie esta Petição. Assine e divulgue. O seu apoio é muito importante.

Salvar Balsa. Parar crime arqueológico e ambiental na Quinta da Torre de Aires, Tavira, Algarve

Para: Direcção Geral do Património Cultural; Departamento dos Bens Culturais Divisão de Divisão de Salvaguarda do Património Arquitectónico e Arqueológico; Direcção Regional de Cultura do Algarve Parque Natural da Ria Formosa; Ex.mo. Senhor Presidente da CCDR Algarve; Ex.mo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Tavira, Ex.mo. Senhor Presidente da Assembleia da República Ex.mo. Senhor Ministro do Ambiente, Ex.mo. Senhor Ministro da Cultura, Ex.mo. Senhor Presidente da Agência Portuguesa para o Ambiente, Ex.mo. Senhor Primeiro Ministro

A Quinta da Torre de Aires, situa-se no Parque Natural da Ria Formosa, na freguesia da Luz de Tavira, já esta a ser invadida por estufas, ao longo de 17 hectares.
Queremos parar imediatamente a instalação destas estufas dado ser uma zona classificada de interesse arqueológico, Classificado como IIP - Imóvel de Interesse Público, Decreto n.º 26-A/92, DR, I Série-B, n.º 126, de 1-06-1992 respeitando a sua ZEP - Zona Especial de Protecção, Portaria n.º 516/2011, DR, 2.ª Série, n.º 81, de 27-04-2011 (sem restrições,Despacho de homologação de 23-10-2002 do Ministro da Cultura. Parecer favorável de 22-09-2002 do Conselho Consultivo do IPPAR
Informação favorável de 12-02-1998 da DR de Faro, Proposta de 21-01-1998 do Parque Natural da Ria Formosa. Pelos factos descritos devemos fazer valer o estatuto de Parque Natural e zona cultural e turística importante anulando o despacho da Direcção Regional de Cultura do Algarve que autoriza a instalação de estufas.

Na Quinta da Torre de Aires situava-se Balsa, uma das maiores cidades do Império Romano na Península Ibérica. Balsa é uma cidade desconhecida da maior parte dos cidadãos Portugueses e da população Europeia.
Necrópoles, habitações, edifícios com mosaicos, balneários, tanques de salga de peixe, cerâmica, moedas e muito mais compõem o património arqueológico de Luz de Tavira ameaçado com esta decisão da Direcção Regional de Cultura do Algarve.
Ajude-nos a parar este crime arqueológico e ambiental e assine a petição.
Divulgue - Obrigado

Links para noticias relacionadas:

http://rr.sapo.pt/noticia/66844/cidade_arqueologica_de_balsa_vai_mesmo_ter_estufas_de_frutos_vermelhos?utm_source=rss

http://rr.sapo.pt/noticia/38935/maior_cidade_romana_do_pais_a_merce_de_interesses_imobiliarios

http://barlavento.pt/regional/balsa-cidade-romana-debatida-em-tavira

http://geohistorica.net/arkeotavira.com/

http://www.agronegocios.eu/noticias/cidade-arqueologica-de-balsa-vai-ter-estufas-de-frutos-vermelhos/

https://www.publico.pt/local/noticia/construcao-de-estufas-juntro-a-ria-formosa-embargadas-em-tavira-1714039

DGPC: http://www.patrimoniocultural.pt/pt/patrimonio/patrimonio-imovel/pesquisa-do-patrimonio/classificado-ou-em-vias-de-classificacao/geral/view/72497

Esta petição será enviada para as seguintes entidades, tendo por base a Lei n.º 107/0, onde se
estabelece as bases da política e do regime de protecção e valorização do património cultura.
Assembleia da República decreta, nos termos da alínea c) do artigo 161.º da Constituição, para valer como lei geral da República, a classificação como IIP - Imóvel de Interesse Público, Decreto n.º 26-A/92, DR, I Série-B, n.º 126, de 1-06-1992 e a sua ZEP - Zona Especial de Protecção, Portaria n.º 516/2011, DR, 2.ª Série, n.º 81, de 27-04-2011 (sem restrições,Despacho de homologação de 23-10-2002 do Ministro da Cultura. Parecer favorável de 22-09-2002 do Conselho Consultivo do IPPAR
Informação favorável de 12-02-1998 da DR de Faro, Proposta de 21-01-1998 do Parque Natural da Ria Formosa.

Direcção Geral do Património Cultural;
Departamento dos Bens Culturais
Divisão de Divisão de Salvaguarda do Património Arquitectónico e Arqueológico;
Direcção Regional de Cultura do Algarve
Parque Natural da Ria Formosa;
Ex.mo. Senhor Presidente da CCDR Algarve;
Ex.mo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Tavira,
Ex.mo. Senhor Presidente da Assembleia da República
Ex.mo. Senhor Ministro do Ambiente,
Ex.mo. Senhor Ministro da Cultura,
Ex.mo. Senhor Presidente da Agência Portuguesa para o Ambiente,
Ex.mo. Senhor Primeiro Ministro


Qual a sua opinião?

A actual petição encontra-se alojada no site Petição Publica que disponibiliza um serviço público gratuito para todos os Portugueses apoiarem as causas em que acreditam e criarem petições online. Caso tenha alguma questão ou sugestão para o autor da Petição poderá fazê-lo através do seguinte link Contactar Autor
Assinaram a petição
939 Pessoas

O seu apoio é muito importante. Apoie esta causa. Assine a Petição.